Baratas vivas podem ser controladas por smartphone

Baratas vivas podem ser controladas por smartphone

O KickStarter financia um kit que promete ajudar o usuário pelo smartphone o controle de uma barata viva. O Roboroach (nome do projeto), traz um chip bluetooth e um kit para realizar o ''processo cirúrgico''. Lembrando que o animal não está incluso no kit cobrado por US$99.

Os sensores são acoplados ao animal, e se comunicam por pequenos pulsos elétricos, com os nerônios dos animais, que ficam nas antenas e são sensíveis ao cheiro e toque.

''Quando enviamos um comando do smartphone, a ''mochila'' envia pulsos às antenas, fazendo com que a barata pense que há uma parede ao seu lado. Essa é a mesma tecnologia utilizada para testar a doença de Parkinson e usada nos implantes coleares.'' - explicam os criadores.

CIRURGIA

O processo cirúrgico só pode ser iniciado após a anestesia no animal, que é feita colocando o mesmo rapidamente dentro da água gelada. Os desenvolvedores afirmam que isso congela o sistema nervoso, fazendo com que o animal não sinta dores. Um fio pequeno é conectado às antenas, garantindo sucesso no funcionamento do projeto.

Os comandos só funcionam por um certo tempo, mas podem permitir comandar a barata para a esquerda, direita e frente.

Deixe de preguiça e comente a sua opinião aqui embaixo! =)